março 08, 2014

#3

entrada de diário #3
Horrível! Sou eu! Sou horrível. Fiquei três quase três meses sem publicar aqui no blog! Devia haver uma polícia de blogues para me prender por não escrever nada tanto tempo. E todas as maravilhosas pessoas que seguem o meu blog deveriam ficar chateadas comigo e exclamar algo do tipo: "epá vai-te esconder, caneco! que raio de bloguer és tu? nem mereces ter blog!", e eu devia baixar a cabeça de vergonha e perceber que em tempos soube que escrever publicamente tão bem me faz à alma e no entanto desleixei-me de modos inconcebíveis. Um açoite para mim, já!
E para vós, um abraço do tamanho da beleza de dia que esteve hoje! Até que enfim, hem? A chuva e o mau tempo deram-nos descanso e a possibilidade de ver o nosso querido sol em todo o seu esplendor! Senti-me como nos sentimos naqueles dias de verão, depois da praia, aquele sentimento de compaixão e cansaço fofinho no corpo. Sabem o que é? Acho que sim, de certeza já todos experienciaram tal. Bom, regressando ao tema com que iniciei este post, a ver se agora não me descuido, e publico com mais frequência. Na próxima publicação acho que vou colocar mais um episódio de uma das histórias que tenho criado (e que se calhar já ninguém se lembra lol) «---este lol foi irónico, eu sou horrível! Beijinhos, love you all :)

11 comentários:

  1. Acho bem que voltes pah! Senão vou descobrir-te, perseguir-te e espancar-te :) (sou mesmo fofinha, eu sei...)
    Vá agora a sério, arranja lá tempo aqui para a malta ;)

    ResponderEliminar
  2. Estou com a claudia !
    r: Obrigada :D

    ResponderEliminar
  3. Este comentário serve única e exclusivamente para te enviar um beliscão virtual, oh desaparecido! :)
    mas compreendo a ausência... andaste a desvirginar por ai ahahah. beijo

    ResponderEliminar
  4. R.: Como amigos, que é o que somos, acho que não me vai deixar... Mas nunca se saber

    ResponderEliminar
  5. Tu és uma vergonha realmente xD

    r: Porque, eu ia cantar fado!
    E porque nunca tinha cantado para um público assim!

    ResponderEliminar
  6. As pausas fazem bem quando lhe são convenientes.
    Se silenciar uma vez ou outra, não faz muito mal ;)
    Mas confesso que fico chateada por não escrever no meu blog também :/
    bem-vindo de volta !

    ResponderEliminar
  7. R: Quando o pó assentar, talvez. Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Há dias, fases mais ocupadas e, para mim, o blogue não deverá ser obrigação a não ser que seja trabalho.

    Beijos

    ResponderEliminar
  9. Acho que me tiraste as palavras da boca, neste caso, não da boca mas dos dedos? >.> bom... whatever, a verdade é que já há muito que não escrevo no meu blog e tenho saudades desses momentos!
    Vou ver se o retomo!
    ;)

    ResponderEliminar
  10. As pausas, por vezes, fazem-nos bem. (:

    ResponderEliminar
  11. Viva!
    Hoje tive um tempinho extra, para poder ler e comentar como deve de ser.
    Normalmente uso o G+1 para marcar presença, mas nem sempre me satisfaz.
    É um privilégio ler escritos bons, e eu vou tentar ser mais presente.
    Abraços e beijos. D

    http://acontarvindodoceu.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Obrigado pelo teu comentário :)